Ultrassom – Conheça as opções desse exame

3D ultrasound during pregnancy conceptEntre tantos exames e detalhes do pré-natal, o passo mais esperado e mais especial sempre é a sessão de ultrassom, seja a primeira ou última!

Através do ultrassom é possível acompanhar cada avanço do bebê e ver sua formação acontecendo ao longo dos meses.

Mas você conhece todas as opções de ultrassom disponíveis para você durante a gestação e o que cada um proporciona?

Conheça cada modalidade desse exame e se prepare para acompanhar o crescimento do bebê de uma maneira muito mais tranquila.

O ultrassom

A ultrassonografia, também chamada de maneira mais simples como ultrassom, cria a imagem do bebê através das ondas do som. Além do bebê, é possível ver a placenta, o útero e demais órgãos em diferentes tipos de exames.

O ultrassom é o exame escolhido para a gravidez por não ser invasivo, nem para a mamãe nem para o filho, por não utilizar radiação, como radiografias e tomografias, e não possui contraindicação.

Com essas imagens, seu médico obtém informações essenciais sobre sua gravidez e a saúde do seu filho.

Ao fazer o teste, ondas de som em alta frequência são enviadas pra dentro do útero e são alcançadas pelo bebê. O aparelho do ultrassom transforma os sons recebidos em imagens de vídeo chegando ao resultado que todas as mamães tanto esperam.

Essas mesmas ondas sonoras são usadas pelos médicos para acompanhar o coração do bebê.

Ultrassom transvaginal

O transvaginal é usado para avaliação dos órgãos reprodutivos da mulher dando imagens da área pélvica e definição do útero, ovários e colo uterino.

Esse exame é realizado no início da gestação para que seu ginecologista analise o tempo da gravidez, crescimento do feto e até mesmo se é uma gestação gemelar (será que vem dois por aí?), acontece geralmente a partir da 5ª semana.

Nele também se observa o tamanho do colo uterino, para saber se haverá a expansão necessária para a gestação.

Se há sangramento durante a gravidez, o transvaginal é o ultrassom indicado para examinar o possível descolamento da placenta ou anomalias.

Em casos de abortos espontâneos, é possível através desse exame detectar suas causas.

Apesar de ser um exame realizado internamente, o ultrassom transvaginal não entra em contato com o bebê. Portanto, não prejudica sua gravidez nem a saúde do feto.

Valor: Um dos exames mais baratos, podendo custar até R$ 150.

Translucência nucal

Esse exame também é chamado de primeiro morfológico por ser realizado no primeiro trimestre da gravidez, entre 11ª a 13ª semanas. Nesse ultrassom é analisado a quantidade de líquido presente na nuca do feto.

Pesquisas e estudos identificam que malformações, síndromes genéticas ou anomalia cromossômica apresentam maior líquido nessa região do corpo do bebê deixando a nuca mais larga.

Para realização desse exame existem especificações, como o tamanho do bebê da cabeça ao bumbum estar entre 45 e 84 mm antes da 14ª semana.

O valor normal da translucência nucal é de 2,5mm. Se o número for elevado pode ser comprovação de uma alteração genética.

Esse exame tem a eficiência de rastreio numa possível anormalidade, mas não dá diagnóstico para nenhum quadro de saúde ou doença genética.

Se existe aumento no líquido da nuca, é necessário realização de outros exames específicos para aprofundamento nas informações, como verificação ausência do osso nasal e fluxo sanguíneo alterado que podem reforçar o quadro de malformação.

Com o resultado colido no TN e análise sanguínea, seu médico pode calcular riscos de malformações e alterações genéticas e, a partir daí, garantir um diagnóstico decisivo se necessário.

Valor: Sofre alteração de acordo com sua região. O exame pode custar de R$ 80 a R$ 300.

Ultrassom morfológico

Um dos mais conhecidos e mais importantes, o ultrassom morfológico é o exame em que se observa a saúde do bebê e possíveis malformações.

Esse exame acontece a partir de segundo trimestre de gravidez, ou seja, entre as semanas 20 e 24, e avalia detalhadamente o desenvolvimento do bebê, inclusive a evolução de seus órgãos internos.

A morfológica (como também é chamado esse modelo de ultrassom) vai analisar a estrutura do corpo do bebê e tirar medidas. Se houver problemas na formação cerebral (muito raros) já podem ser detectados nesse momento.

A possibilidade de pressão alta na mamãe também pode ser prevista através do fluxo sanguíneo nas artérias nesse exame.

A posição da placenta também recebe atenção, para saber saber onde ela está “encostada”. A placenta se move com autonomia quando necessário para permitir o parto vaginal. Se houver alguma anormalidade serão necessários mais exames.

O rosto do pequeno também é verificado. É preciso analisar a formação labial para saber se não há uma fenda, que conhecemos como lábio leporino.

Os ossos da coluna devem estar alinhados, mesmo que ainda em desenvolvimento,

O coração do bebê já apresenta as quatro partes do órgão. No ultrassom serão examinadas as válvulas e seu funcionamento, assim como veias e artérias.

A quantidade de líquido amniótico também é um dos pontos de observação para saber se há o suficiente para crescimento do bebê.

Braços, pernas, mãos e pés também são olhados calmamente para acompanhar sua formação e desenvolvimento.

Os rins e estômago do bebê estão presentes. O caminho da urina é acompanhado para saber se chega à bexiga.

Quanta coisa para se ver em um só ultrassom, mas será um tempo de muitas descobertas e alegrias! É maravilhoso acompanhar cada pedaço do corpo do bebê cheio de vida.

E as malformações? A maioria dos quadros graves já podem ser identificados na morfológica e trazer muito mais segurança para sua gestação e tratamento!

Com algum quadro identificado, mais exames serão feitos e sua gravidez será acompanhada de modo especial.

Valor: De R$ 150 a R$ 250.

Ultrassom Obstetrico com Doppler

A utrassonografia com dopplervelocimetria acompanha o fluxo sanguíneo da placenta para o bebê e seu corpo. Esse exame identifica o que está sendo emitido pelo ultrassom com uma coloração virtual.

A importância do ultrassom com doppler se dá pela avaliação das condições nutricionais do bebê.

O exame acontece no fim do gestação, entre a 26ª a 38ª semanas para informar ao médico e a mamãe sobre o desenvolvimento do bebê, amadurecimento da placenta, quantidade de líquido amniótico e se seu filho está bem nutrido.

Qualquer informação que coloque o médico em alerta pode adiantar o seu parto.

Problemas de saúde da mamãe, como pressão alta ou diabetes ocasionadas na gravidez também são diagnosticadas com o Doppler.

Além dessas situações, essa ultrassonografia pode identificar alguma anormalidade cardíaca ou a incompatibilidade de grupos sanguíneos.

O doppler vai te dar mais informações ao fim da gravidez e deixar você mais tranquila para o momento do nascimento, pronta para curtir o bebê que está chegando!

Sabemos que a ansiedade existe, mas é importante lembrar que o ultrassom serve para adiantar diagnósticos e garantir a saúde do seu filho.

Valor: Em torno de R$ 500.

Ultrassom 3D e 4D

Toda mamãe quer conhecer o maior número de detalhes do pequeno que está crescendo e a tecnologia nos ajudou nisso.

A possibilidade das ultrassonografias em 3D e 4d permitiram que a imaginação dos pais ganhasse mais veracidade a cada exame.

Já para os médicos não existe tanta diferença quanto para o ultrassom comum, o 2D. Apenas em casos de malformações ou suspeita de alguma anormalidade no rosto do bebê ou tubo neural podem ganhar mais definições o exame do médico.

Essa modalidade detalhada da ultrassonografia é indicada a partir da 34ª semana, onde os detalhes do bebê realmente ganham definição.

A imagem do bebê que você no 3D é composta por outras imagens bidimensionais e mais uma vez vale enfatizar que não é um exame invasivo, nem para você nem para seu filho.

O ultrassom 4D é o mesmo que o 3D, mas em movimento! Você verá em tempo real seu bebê se mexendo, podendo ver até um bocejo, se tiver sorte no momento do exame. Demais, não é?

Por não possuir nenhuma justificativa médica, geralmente não é uma opção de ultrassom que possui cobertura de convênio e te valor mais elevado que o tradicional.

Valor: De R$ 200 a R$ 350.

Durante toda a gestação, mensalmente você realizará o ultrassom para acompanhar o crescimento e desenvolvimento do bebé, além de descobrir o sexo a partir do 4º mês.

Mas é importante lembrar a todas as mamães que cada um dos exames é essencial para sua gravidez e saúde do bebê.

Converse com seu médico e tire todas as dúvidas, mas não deixe de fazer seu pré-natal e solicitar cada ultrassom no tempo certo com seu obstetra.

Baixe nosso Manual da Grávida e tenha com você sempre que precisar essas e muitas outras informações essenciais para sua gestação! 

Assuntos relacionados: Data do Parto, Exames, Exames Pré-Natal, Prega da Nuca, Saúde, Ultrassonografia, Ultrassonografia Doppler, Ultrassonografia Morfológica