Aleitamento artificial – mamadeira, decisA?o ou necessidade?

Se por alguma razA?o vocA? nA?o vai amamentar seu filho, evite sentir-se culpada.

Aleitamento artificial - mamadeira, decisA?o ou necessidadeSe por alguma razA?o vocA? nA?o vai amamentar seu filho, evite sentir-se culpada. SerA? sempre melhor para o bebA? uma mA?e que lhe dA? a mamadeira tranqA?ila e segura de si que uma mA?e que transmita a sua inquietaA�A?o e mal-estar.

Numa sociedade como a nossa, o perigo para o bebA? A� muito baixo; alA�m disso, a mamadeira permite uma comunicaA�A?o ativa entre o pai e o bebA?, se ele tambA�m colaborar na sua alimentaA�A?o. Em certos casos, apesar do desejo da mA?e, A� necessA?rio recorrer A� alimentaA�A?o mista ou mesmo apenas artificial. Isso acontece quando a mA?e sofre de alguma doenA�a. Dado que nA?o existe uma regra exata, a pessoa mais indicada para avaliar a situaA�A?o e receitar o que A� mais conveniente A� o prA?prio pediatra.

Se devido a problemas pessoais ou mA�dicos uma mA?e precisar recorrer ao aleitamento artificial, nA?o hA? razA?o de preocupaA�A?o. NA?o A� por causa disso que a crianA�a nA?o vai se desenvolver perfeitamente.

Se a crianA�a perde peso ou nA?o cresce como devia, a falta do leite materno pode gerar nela um estado de ansiedade e cansaA�o que faz com que seja indispensA?vel a alimentaA�A?o artificial. Converse com o seu pediatra.

Assuntos relacionados: Aleitamento Artificial, Aleitamento Materno, BebA?, Mãe e Filho, Mamadeira, NutriA�A?o, Pai e Filho